Pesquisar
Close this search box.

“Traficantes cobravam cerca de R$ 40 por cada morador”, diz secretário de segurança

Reintegração na ocupação Monte Horebe irá durar aproximadamente 15 dias.
Especial Publicitário

O secretário de segurança pública do Amazonas, Louismar Bonates, afirmou na manhã desta segunda-feira (02), que a desapropriação da ocupação irregular Monte Horebe, localizada no Lago Azul, zona Norte, deve durar aproximadamente 15 dias.

De acordo com o secretário, a conclusão da reintegração de posse irá depender do trabalho da assistência social, que está tendo apoio da segurança pública.

Ainda conforme o secretário da SSP-AM, a derrubada das casas deve continuar ao logo de todo dia desta segunda-feira (2) até os próximos dias.  

Ele ainda informou que as casas que não tiverem ninguém morando, serão as primeiras a serem demolidas.

Bonates também confirmou que era cobrado um valor de traficantes para que as pessoas continuassem morando naquela área. “Uma facção criminosa cobrava o valor de R$ 40 por cada lote, além da taxa de água e luz” disse ele.

O secretário ainda informou que a movimentação maior dos moradores era no fim de semana, e durante a semana a maioria deixava as residências abandonadas. Ao todo, pelo menos 100 casas já foram demolidas.

Tags:
Compartilhar Post:
Especial Publicitário