Pesquisar
Close this search box.

Diniz aposta em seleção renovada para voltar a vencer

Técnico Fernando Diniz não espera facilidades para a seleção brasileira, que ocupa a 3ª posição com 7 pontos
Especial Publicitário
(Foto: Vitor Silva/CBF)

Agência Brasil – Tentando retomar o caminho das vitórias para se aproximar da liderança da classificação das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2026, o Brasil visita a Colômbia a partir das 21h (horário de Brasília) desta quinta-feira (16), no estádio Metropolitano, em Barranquilla. Diante do 5º colocado da competição, com 6 pontos na classificação, o técnico Fernando Diniz não espera facilidades para a seleção brasileira, que ocupa a 3ª posição com 7 pontos.

“Jogar em Barranquilla é sempre difícil: vamos enfrentar muito calor, apoio maciço da torcida e, além disso, a força do futebol colombiano, que tem uma seleção muito boa”, declarou o comandante da seleção brasileira durante entrevista coletiva concedida na última quarta-feira (15).

Diniz deve optar por uma formação muito ofensiva, com quatro jogadores de frente, na qual tentará aproveitar o entrosamento de Rodrygo e Vinícius Júnior, que ocuparão a faixa central do ataque.

Outras novidades devem ser as entradas na equipe titular do goleiro Alisson, dos laterais Emerson Royal e Renan Lodi, do volante André e dos atacantes Raphinha e Gabriel Martinelli.

Com isso, a seleção brasileira deve entrar em campo com: Alisson; Emerson Royal, Marquinhos, Gabriel Magalhães e Renan Lodi; André, Bruno Guimarães e Rodrygo; Raphinha, Vinícius Júnior e Gabriel Martinelli.

A equipe de Fernando Diniz terá como adversário uma seleção da Colômbia que ainda está invicta nas Eliminatórias. Após derrotar a Venezuela na estreia, ficou no empate com Chile, Uruguai e Equador. Para tentar derrotar o Brasil em casa, a equipe comandada pelo técnico Néstor Lorenzo confia muito no talento do atacante Luis Díaz, do Liverpool (Inglaterra), e dos meias James Rodríguez, do São Paulo, e Jhon Arias, do Fluminense.

Leia mais:

Diniz convoca Seleção praticamente sem mudanças para as eliminatórias

O técnico Fernando Diniz fez neste sábado (23), no Rio de Janeiro, a sua segunda convocação como comandante da Seleção Brasileira masculina de futebol. A lista para os jogos contra Venezuela e Uruguai, nos dias 12 e 17 de outubro, respectivamente, tem 23 nomes. Apenas dois não foram chamados na primeira janela das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2026, seja na lista original ou como substituto de algum companheiro cortado: Bremer, zagueiro da Juventus, da Itália, e Gerson, meio-campo do Flamengo.

De resto, todos os atletas, de uma forma ou de outra, foram chamados para os jogos contra Bolívia e Peru, que abriram a caminhada rumo à Copa.

Veja matéria completa no link abaixo:

Receba notícias do Portal Tucumã no seu WhatsApp e fique bem informado!
CLIQUE AQUI: https://cutt.ly/96sGWrb

Tags:
Compartilhar Post:
Especial Publicitário