Pesquisar
Close this search box.

Judoca olímpico é assassinado após briga com colega PM

Especial Publicitário

Bauru – O judoca Mario Sabino Júnior foi assassinado, na noite da última sexta-feira, em Bauru, no interior de São Paulo. Segundo as primeiras informações, a suspeita é de que o atleta, que trabalhava como cabo da Polícia Militar, tenha sido morto por um sargento, que se suicidou logo em seguida. Nenhum dos dois estava em serviço.

De acordo com o Jornal da Cidade, de Bauru, o crime teria ocorrido na venida Antenor de Almeida, região do Jardim Nicéia, por volta das 21 horas. O motivo da desavença entre os dois seria a esposa do sargento.

Mario Sabino Júnior, conhecido como “Marião” no mundo do judô, representou o Brasil nos jogos de Sidney, em 2000, e Atenas, em 2004, além de ter sido medalhista nos Jogos Pan-Americanos de Santo Domingo, em 2003, e no Mundial de Osaka, no mesmo ano.

O Dia

Tags:
Compartilhar Post:
Especial Publicitário