Pesquisar
Close this search box.
[views count="1" print="0"]

Surto de dengue é global, afirma diretor-geral da OMS

Mais de 360 mil casos e 40 mortes foram registrados só nesse ano de 2024
(Foto: reprodução).

Mundo – “Este surto de dengue atual faz parte de um grande aumento em escala global da dengue”, afirmou o diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom, nesta quarta-feira (7), alertando que a explosão de casos da doença não é apenas no Brasil.

Mais de 360 mil casos e 40 mortes foram registrados só nesse ano de 2024. O número representa um acréscimo de 291% em relação ao mesmo período de 2023, que teve cerca de 93 mil casos. Tedros Adhanom está no Brasil participando do lançamento de um plano do Ministério da Saúde para eliminação de infecções e doenças como a dengue, malária, doença de Chagas, sífilis, hepatite B e HIV.

“São mais de 500 milhões de casos e mais de cinco mil óbitos relatados ano passados em 80 países de todas as regiões do mundo”, declarou.

Quatro estados decretaram situação de emergência devido à enfermidade. Com 393 casos confirmados e 2.012 em investigação, Manaus decretou situação de alerta na semana passada.

Três óbitos sob suspeita de dengue estão sendo investigadas no Amazonas. Um desses óbitos foi registrado na capital, e os outros em Lábrea e Coari.

Um Centro de Operações de Emergência (COE) contra a dengue e outras arboviroses foi instalado pelo Ministério da Saúde para combater o surto.

Aumento

O aumento considerável de casos de câncer de intestino nos últimos anos no país e serve de alerta para quais alimentos consumimos diariamente. A Organização Mundial de Saúde (OMS) divulgou alimentos que podem causar câncer.

Sempre é bom lembrar que a alimentação saudável é um dos principais fatos na prevenção de câncer. Estudos recentes associaram um maior consumo de alimentos ultraprocessados ao surgimento de 34 tipos de câncer.

A OMS, recomenda prioridade no consumo de alimentos naturais, como frutas, vegetais e cereais.

Confira a lista de alimentos para passar longe

  1. Peito de peru

O primeiro alimento desta lista frequentemente ganha uma atribuição saudável na escolha de qual comida faz bem ao organismo, porém, o alimento contém uma quantidade significativa de produtos químicos. Com alto teor de nitrito, nitrato e sódio, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda prudência no consumo.

  1. Salsicha

De acordo com a OMS, este produto não tem papel nutritivo ao corpo e sim destrutivo. Por conta da adição de químicos prejudiciais à saúde. A ingestão de embutidos não deve exceder 500 mg por semana.

  1. Gordura hidrogenada

Biscoitos recheados, salgadinhos, sorvetes e doces industrializados costumam conter quantidades significativas dessa gordura hidrogenada

  1. Bebidas alcoólicas

O álcool é extremamente nocivo ao corpo e a ingestão excessiva e frequente da substância pode potencializar problemas hepáticos, como a cirrose. Além de causar inflamações no organismo, resultando em câncer no intestino.

  1. Batatas-fritas

Estudos sugerem que uma substância química formada a partir da fritura, a acrilamida, pode aumentar a inflamação no organismo. Com uma inflamação e estresse oxidativo aumentados, os riscos de câncer também podem aumentar.

Leia mais:

Novas regras para rótulos de alimentos valem a partir deste domingo (9)

Agência Brasil – As novas regras para rótulos de alimentos no Brasil entram em vigor a partir de hoje (9). De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), além de mudanças na tabela de informação nutricional, a novidade é a adoção de alertas, na parte frontal da embalagem, sobre alguns nutrientes.

Veja matéria completa no link abaixo:

Receba notícias do Portal Tucumã no seu WhatsApp e fique bem informado!
CLIQUE AQUI: https://cutt.ly/96sGWrb

Tags:
Compartilhar Post:
Especial Publicitário
plugins premium WordPress